Documentos Estratégicos

Estratégia SASULisboa

Quadro de Avaliação e Responsabilização

  • Quadro de Avaliação e Responsabilização (QUAR) SASULisboa, 2017 , 09 junho de 2017
  • No âmbito do SIADAP - Sistema Integrado de Gestão e Avaliação do Desempenho na Administração Pública, o desempenho dos SASULisboa será aferido a partir do seu QUAR. Neste documento apresenta-se a missão da instituição e os objetivos plurianuais a que será dado maior enfase no decorrer do presente ano. Para além desta informação são também indicados quais os objetivos operacionais que os SASULisboa se propõem atingir em 2017, as metas a alcançar, os indicadores de desempenho e as correspondentes fontes de verificação. O QUAR apresenta, também, os recursos humanos e financeiros que a instituição tem ao seu dispor para cumprir os objetivos a que se propõe.

Plano de Atividades

  • Plano de Atividades 2016, 29 fevereiro de 2016
  • O presente documento constitui um instrumento de gestão, que resume a definição da estratégia da organização e as prioridades da sua operacionalização, assim como estabelece as linhas e metas orientadoras para a atividade dos SASULisboa para o ano de 2016, tendo como finalidade concretizar o preconizado na sua Missão e Visão.
  • Plano de Atividades 2015, 13 fevereiro de 2015
  • O Plano de Atividades 2015 dos SASULisboa constitui um instrumento de gestão, que resume a definição da estratégia da organização e as prioridades da sua operacionalização, assim como estabelece as linhas e metas orientadoras para a atividade dos SASULisboa para o ano de 2015, tendo como finalidade concretizar o preconizado na sua Missão e Visão.
  • Plano de Atividades 2014, 16 maio de 2014
  • No Plano de Atividades dos SASULisboa para 2014, são descritos os objetivos operacionais que cada serviço da instituição pretende atingir no corrente ano, com a indicação das atividades que desenvolverá para alcançar as metas a que se propõe. No mesmo documento é apresentada uma análise dos recursos humanos e financeiros ao dispor dos SASULisboa, para 2014, e com os quais a instituição conta para cumprir os objetivos operacionais identificados.

Relatório de Atividades

  • Relatório de Atividades 2016, 30 março de 2017
  • O RA dos Serviços de Ação Social da Universidade de Lisboa (SASULisboa) tem como principal objetivo enquadrar e descrever as atividades desenvolvidas pela organização em 2016 no cumprimento da sua missão e divulgar os resultados alcançados ao longo deste ciclo de gestão, tendo em conta os objetivos previamente traçados. Este documento procura evidenciar os vários recursos utilizados e os fatores que contribuíram para a concretização dos objetivos organizacionais, explicitando os desvios apurados no fim do ano em análise.
  • Relatório de Atividades 2015, 30 março de 2016
  • O Relatório de Atividades dos SASULisboa tem como principal objetivo enquadrar e descrever as atividades desenvolvidas pela organização em 2016 no cumprimento da sua missão e divulgar os resultados alcançados ao longo deste ciclo de gestão, tendo em conta os objetivos previamente traçados. Este documento procura evidenciar os vários recursos utilizados e os fatores que contribuíram para a concretização dos objetivos organizacionais, explicitando os desvios apurados no fim do ano em análise.
  • Relatório de Atividades 2014, 30 março de 2015
  • O presente RA tem como principal objetivo enquadrar e descrever as atividades desenvolvidas pelos Serviços de Ação Social da Universidade de Lisboa (SASULisboa) em 2014 e divulgar os resultados alcançados ao longo de um ciclo de gestão bastante importante para a organização, no sentido em que se tratou do primeiro processo de autoavaliação na sua atual configuração, após a unificação dos Serviços de Ação Social na sequência da fusão das anteriores Universidade de Lisboa (UL) e Universidade Técnica de Lisboa (UTL).

Balanço Social

  • Balanço Social 2016, 26 abril de 2017
  • O Relatório do Balanço Social 2016 dos Serviços da Ação Social da Universidade de Lisboa (SASULisboa) reúne dados sobre a realidade organizacional e social da instituição no período entre 1 de janeiro e 31 de dezembro de 2016. Esses dados foram extraídos do Sistema de Integrado de Apoio à Gestão (SIAG) e estruturados conforme o modelo definido pela Direção-Geral da Administração e Emprego Público (DGAEP).
  • Balanço Social 2015, 26 abril de 2016
  • O Relatório do Balanço Social 2015 dos SASULisboa reúne dados sobre a realidade organizacional e social da instituição no período entre 1 de janeiro e 31 de dezembro de 2015. Esses dados foram extraídos do Sistema de Integrado de Apoio à Gestão (SIAG) e estruturados conforme o modelo definido pela Direção-Geral da Administração e Emprego Público (DGAEP).
  • Balanço Social 2014, 30 abril de 2015
  • O Balanço Social, em conjunto com o Plano de Atividades, o Relatório de Atividades e os demais instrumentos de gestão dos serviços e organismos que integram a Administração Pública, constitui um instrumento privilegiado de informação, planeamento e gestão de recursos humanos, inserido no ciclo anual de gestão de qualquer organização. A sua finalidade é a de conferir maior transparência e visibilidade da realidade existente e dos aspetos mais significativos nas instituições públicas em termos de recursos humanos, assumindo-se como essencial para a tomada de decisão, potenciando um planeamento assente numa melhor coordenação e racionalização dos recursos humanos e financeiros disponíveis.
  • Balanço Social 2013, 10 outubro de 2014
  • O Balanço Social, em conjunto com o Plano de Atividades, o Relatório de Atividades e os demais instrumentos de gestão dos serviços e organismos que integram a Administração Pública, constitui um instrumento privilegiado de informação, planeamento e gestão de recursos humanos, inserido no ciclo anual de gestão de qualquer organização. A sua finalidade é a de conferir maior transparência e visibilidade da realidade existente e dos aspetos mais significativos nas instituições públicas em termos de recursos humanos, assumindo-se como essencial para a tomada de decisão, potenciando um planeamento assente numa melhor coordenação e racionalização dos recursos humanos e financeiros disponíveis.

Plano Gestão Riscos e Infrações Conexas

  • Plano de Gestão de Riscos de Corrupção e Infrações Conexas, 20 novembro de 2015
  • O presente documento pretende prevenir más práticas, tornando-as claras e simples de identificar. Serve também para educar e formar pela positiva os trabalhadores, dotando-os de uma maior consciência cívica e profissional individual e coletiva, que previna e faça ressaltar qualquer irregularidade, independentemente da sua índole, permitindo a sua apreciação, avaliação e correção.